2 vezes burroughs

todo janeiro tem Sundance Film Festival.

neste ano, o filme que me chamou atenção chama-se Uncle Howard.

é um documentário (do sobrinho) que revisita um outro, lançado em 1983 (por seu tio Howard, do título), sobre William S. Burroughs – escritor, poeta e um dos fundadores do movimento Beat.

Aaron, o sobrinho, recuperou vários materiais do próprio bunker do escritor. aquele foi então o único documentário sobre sua vida em que ele colaborou e deu total suporte (Burroughs: The Movie).

admiro o cara (o poeta!) mesmo que meu conhecimento e admiração de verdade sejam por Jack Kerouac… de Burroughs, lembro da participação premonitória em Drugstore Cowboy e da entrevista que fez com Bowie.

mais curiosidade dos documentários? a participação de outro cineasta muso, Jim Jarmuch. no primeiro ele era técnico de som, no recente, virou produtor executivo.

preciso ver, preciso ler. a pilha ao lado da cama não para de crescer.

espia o trailer do filme aqui.