crap noir_desvario

ouço cada som com intensidade quase palpável
um inseto se movendo no andar de baixo
a primeira oscilação de luz que entra no quarto
lá fora não vejo nada e não ouço, mas sei que me vigia
sei que me vigia
desde o dia em que atirei o murano em sua cabeça
enquanto dormia
chamaram de desvario

[crap noir é uma série de fotolivros da fotógrafa e companheira de todas as horas Giovana Pasquini, que me convidou para escrever contos a partir de suas imagens.]

crap noir_testemunha

desde cadafalso (2016), capítulo inicial da série fotográfica crap noir, mais duas edições nasceram. enquanto o primeiro livro continha apenas um conto, os seguintes apresentam três cada um.

crap noir é uma série de fotolivros da fotógrafa e companheira de todas as horas Giovana Pasquini, que me convidou para escrever contos a partir de suas imagens.

o livro impresso está à venda, mas irei publicar os seis contos aqui também.

crap noir_testemunha:

sai enquanto pode
anda acelerada
lembra da viscosidade
do som
do sino
da sina
não sabe se houve crime
não estava lá

crap noir_cadafalso

projeto com a parceira de crime Giovana Pasquini:
crap noir, livro experimental dobrável de fotografia. fotos dela com conto meu.

aqui o dito conto:

– Cadafalso.
Ao dizer a senha, a porta se abriu.
Começou a descer os degraus.
Dava para sentir o gosto oxidado do escuro, mais pra baixo a escada o conduzia.
Teve a mesma sensação ruim de quando lhe pediram para encontrar a garota.
O cheiro que subia era a confirmação.
E também o gato da tarde anterior – aquele gato que desfilou pros seus olhos na estação. Maus presságios, como chapéu em cima de uma cama. Ele aprendera a enxergá-los.
Encontrou salas. Não, eram mais como salões – pias, banheiras, cheiro de urina.
Ouvia músicas, gemidos, sons incompreensíveis.
E sempre o cheiro ocre.
Havia pessoas, mas não precisou palavra.
Ele a encontrou.
Sua pele já possuía aquele aspecto de peixe pescado há dias.
Por um momento não soube o que fazer.
Dias depois ela foi encontrada no container de lixo.
Não identificaram o que ou quem causou sua morte.
O caso foi encerrado.