férias na capital

Julho chegou.

Para muitos, é tempo de férias. Período para descansar, recarregar. Tempo para dar uma caminhada ao livre e repensar o próximo semestre…

Você conhece o Parque Burle Marx? É um pedaço de Mata Atlântica dentro da cidade de São Paulo, com fauna e flora constituídas de espécies remanescentes da Mata. Na década de 40, o proprietário convidou o renomado paisagista paulista Roberto Burle Marx para realizar os jardins de sua então chácara. O local conta com espelhos d’água, palmeiras imperiais e diversas espécies de aves. Um passeio divertido, com trilhas e ar puro no meio da metrópole… vai lá:

Parque Burle Marx – Av. Dona Helena Pereira de Moraes, 200 – Panamby. Aberto diariamente das 7h às 19h, ingressos R$6 a R$8. http://www.parqueburlemarx.com.br

Conjunto Nacional

Se você já foi a São Paulo e caminhou na Avenida Paulista, já viu ou ouviu falar do relógio digital enorme que fica no topo do prédio na esquina com a Rua Augusta. Sim? Este prédio é o Conjunto Nacional, um ícone da cidade. Foi construído há mais de 50 anos, quando ainda existiam os casarões na avenida. Dizem que aproximadamente 40.000 pessoas circulam por lá todos os dias. 40.000 pessoas! Além de um condomínio de apartamentos – 15.000 pessoas moram no prédio – o Conjunto Nacional é um banquete para aficionados em arte e cultura em geral: possui 2 salas de cinema, um teatro, exposições itinerantes nos saguões e a maior livraria do Brasil, a Livraria Cultura, com 4.300 m2. Há também restaurantes, bancos e farmácias. Definitivamente um lugar clássico de São Paulo, onde tudo acontece ao mesmo tempo. Vai um filme aí?

Condomínio Conjunto Nacional – Av. Paulista, 2073. http://www.ccn.com.br/home.php

Para divertir os pequenos:

Oficinas de Férias no Museu do Futebol

O Museu do Futebol, localizado no Estádio do Pacaembu, oferece oficinas de arte, colagem, desenho e origami. Indicadas para crianças acima de 5 anos, as oficinas tem como tema o futebol, e através de uma abordagem lúdica e educativa, buscam estimular a criatividade e proporcionar uma atividade de lazer cultural para as crianças e suas famílias. Antecipe o clima da Copa 2014!

Entre 4 e 28 de Julho, de quinta a domingo das 10h às 17h.

Praça Charles Miller, s/n. Tel.: 11 3664 3848. Grátis. http://www.museudofutebol.org.br

 

“Mais de mil brinquedos para a criança brasileira” é uma mostra que na verdade reúne mais de seis mil brinquedos! Parte deles foi exposta há 30 anos, quando foi inaugurado o Sesc Pompéia e outros vem de coleções particulares. A exposição conta também com oficinas educativas e espaços lúdicos voltados ao brincar e ao experimentar. Ótima chance para divertir as crianças e também para conhecer o local, projetado pela arquiteta Lina Bo Bardi, que também criou o MASP. A partir de 9/7 até 2/2/14.

Sesc Pompéia – Rua Clélia, 93. Tel.: 11 3871 7700. Grátis. http://www.sescsp.org.br

 

Para fechar o dia, ou melhor, iniciar a noite, que tal um drink? Que tal ainda beber com vista panorâmica da cidade, no topo do hotel-conceito Unique? Experimente o Skye. Se quiser jantar, ainda melhor, quem assina os pratos é o Chef Emmanuel Bassoleil. Rola DJ e um monte de pessoas de vários lugares do mundo, algumas delas hospedadas no hotel projetado por Ruy Ohtake. Saúde!

Hotel Unique – Av. Brg. Luís Antônio, 4700, Jardim Paulista. Tel.: 11 3055 4702 http://www.hotelunique.com.br/interna.php?s=skye

 

Escreva para padocacult@gmail.com e conte o que te interessa na capital paulista. Até a próxima!

Lady Augusta

Alguém dizer que não conhece a capital paulista é aceitável. Agora, dizer que nunca ouviu falar da Rua Augusta... não tem como! Assim como a Avenida Paulista, a rua é uma artéria pulsante da cidade, e que pulsa há tempos – nasceu em 1875 e é até hoje carregada de referências e memórias. Coloque um calçado confortável – ou sua roupa preferida para abalar na balada – e venha explorar as diversas faces dessa lady secular chamada Augusta.

 

Ela começa no Centro, sobe até cruzar a Paulista e desce ladeira abaixo, cortando o bairro dos Jardins, para depois se chamar rua Colômbia e continuar na Avenida Europa.

O trecho que sobe até o cruzamento com a Paulista é conhecido como Baixo Augusta, onde se encontram diversos clubes, bares e restaurantes. Pare no Caos e se entretenha: de dia o lugar tem milhares de cacarecos antigos a venda ou para locação; à noite a casa oferece festas, drinks e boa música. Ah, o Caos também é uma série de TV semanal no The History Channel Brasil, que vai ao ar todo sábado às 19h. Vai vendo!

Caos Bar & Antiguidades - R. Augusta, 584. Tel.: 11 2365 1260. Confira programação e horários em http://caosaugusta.tumblr.com

 

Ainda neste trecho, caminhe pelas calçadas repletas de revistas, livros, camisetas e outros objetos que margeiam o Espaço Unibanco de Cinema*, fundado em 1995, que resiste até hoje como um dos últimos cines de rua na cidade. São 5 salas de projeção, cafés e livraria. Por lá, você se verá no meio do charme e da bagunça, ou numa desordem encantadora, se preferir, com gente e informação jorrando de todos os cantos. Aproveite e entre na vibração! *o nome atual é Espaço Itaú de Cinema, mas ainda nos referimos a ele pelo nome antigo.

Espaço Itaú de Cinema - R. Augusta, 1475. Tel.: 11 3141 2610. Cheque os filmes aqui: http://itaucinemas.com.br/em-cartaz/sao-paulo

 

Partindo da Paulista, quando a Augusta desce em direção aos Jardins, estão diversas lojas e boutiques, principalmente nas redondezas da Rua Oscar Freire. Se você gosta de moda e estiver a fim de conhecer novidades, uma boa pedida é visitar a Galeria Ouro Fino. Além de lojas diferentes de roupas e acessórios, é possível mudar o visual num dos salões de beleza ou mesmo escolher sua próxima tattoo ou piercing. Vá nem que seja para se inspirar! Fica aberta de segunda a sábado, das 9 às 20h.

Galeria Ouro Fino - Rua Augusta, 2690. Tel.: 11 3082 7860. http://www.galeriaourofino.com

 

Uma vez em São Paulo, a cidade mais dinâmica e ativa do país, cabe a pergunta: você sabe o que é economia criativa? ... seria algo como a dimensão cultural transbordando para o mundo dos negócios através de setores criativos... a produção de moda, design e arquitetura, entre outros, virando negócio, que gera renda e emprego. Complicado? Que nada. Em cursos que duram de 36h a 1 ano, a Escola São Paulo trata de desmistificar o tema. Informe-se em http://www.escolasaopaulo.org

Escola São Paulo – Rua Augusta, 2239. Tel.: 11 3060 3636.

 

Há várias opções de hospedagem na própria Augusta e nas redondezas. Tem aqueles que entregam o básico e oferecem preços mais acessíveis, mas você também encontrará na região hotéis de luxo como o Emiliano ou Renaissance. Escolha, reserve e desfrute!

 

O que te interessa na capital paulista? Que lugares gostaria de obter mais detalhes e informação? Escreva para padocacult@gmail.com e abra seu coração!

delírio no centrão

Finalzinho de outono, sol carinhoso, criando sombras incríveis… Que tal dar uma esticada até a capital paulista?

 

Passeio no Centro

Para se conhecer uma cidade, nada como visitar seu centro, onde ela começou.

Imagine conhecer o museu de arte mais antigo da cidade? Pense em um ambiente inspirador, da originalidade do edifício à vastidão de seu acervo. Um lugar que preserva e estimula as artes visuais, notadamente aquelas produzidas no Brasil entre 1800 até a contemporaneidade. Desde 1905 a Pinacoteca do Estado realiza diversas exposições que valem ser conferidas. Uma delas é Fabiola, que acontece até 7 de Julho. Nela, o artista belga Francis Alÿs reune mais de 400 reproduções da santa romana do século IV, retratada originalmente por Jean-Jacques Henner, pintor francês, em meados do século XIX (a tela original está desaparecida). Ao reunir centenas de cópias, o artista abre uma discussão sobre autoria, anonimato, originalidade. Cada Fabiola é a mesma e diferente, diversas interpretações de um mesmo ícone.

 

Ao lado da Pinacoteca está o Parque Jardim da Luz, o mais antigo parque público de São Paulo, tombado pelo patrimônio histórico. Ele abriga parte do acervo do museu, com esculturas de artistas como Lasar Segall espalhadas pelo bosque. O lugar é lindo, com árvores enormes e um lago em forma de cruz de malta no centro.

 

Continuando o passeio, em frente ao Parque, avista-se a Estação da Luz, imponente, com suas estruturas de ferro trazidas da Inglaterra. Foi aberta ao público em 1901, e ao longo dos anos passou por reformas, reconstrução após incendio, reinauguração e restauro. Os trens ainda funcionam e pode-se fazer transferência gratuita para o metro.

No mesmo edifício, desde 2006, funciona o Museu da Língua Portuguesa. Por se tratar de um patrimônio imaterial – a nossa língua – a forma expositiva é bastante interessante e diferenciada, contando com tecnologia e recursos interativos para apresentar o conteúdo. Lá, já foram realizadas exposições notórias sobre grandes expoentes da língua portuguesa como Machado de Assis, Fernando Pessoa e Clarice Lispector, entre outros. É um dos museus mais visitados do Brasil e da América do Sul! Merece sua visita também, não?

 

Ainda, para aqueles que curtem carros, todo mês acontece o Encontro Mensal de Automóveis Antigos Parque da Luz, realizado pela Federação Paulista de Automóveis Antigos. Um resgate histórico emoldurado por um cenário tradicional da cidade. São muitas emoções!

 

Para finalizar, muito importante: mesmo com os contínuos movimentos do poder público e da população para recuperação e reocupação do Centro, recomenda-se cuidado nos arredores da Estação. Isso registrado, vale a pena visitar e reconhecer o valor histórico e cultural desta parte da cidade. Reserve um dia, fique atento e seja feliz.

 

Pinacoteca do Estado de São Paulo – Praça da Luz, 2. Tel.: 11 3324 1000. Terça a domingo das 10h às 17h30, ingresso R$6. Grátis aos sábados. http://www.pinacoteca.org.br/

Parque Jardim da Luz – Terça a domingo, das 9h às 18h.

Estação da Luz – Praça da Luz, 1. Funciona todos os dias, das 4h às 24h.

Museu da Língua Portuguesa – Praça da Luz, s/nº. Tel.: 11 3322 0080. Terça a domingo, das 10h às 18h, ingresso R$6. http://www.museulinguaportuguesa.org.br/

Encontro de automóveis antigos: Primeiro Domingo do Mês na Estação da Luz/ Parque da Luz. A partir das 8h. Tel.: 11 99569 1937 (com Vicente).

 

Quer descobrir São Paulo? O que nela te desperta interesse? Que aspecto cultural da cidade mais te instiga? Escreva para padocacult@gmail.com. Até!