Lady Augusta

Alguém dizer que não conhece a capital paulista é aceitável. Agora, dizer que nunca ouviu falar da Rua Augusta... não tem como! Assim como a Avenida Paulista, a rua é uma artéria pulsante da cidade, e que pulsa há tempos – nasceu em 1875 e é até hoje carregada de referências e memórias. Coloque um calçado confortável – ou sua roupa preferida para abalar na balada – e venha explorar as diversas faces dessa lady secular chamada Augusta.

 

Ela começa no Centro, sobe até cruzar a Paulista e desce ladeira abaixo, cortando o bairro dos Jardins, para depois se chamar rua Colômbia e continuar na Avenida Europa.

O trecho que sobe até o cruzamento com a Paulista é conhecido como Baixo Augusta, onde se encontram diversos clubes, bares e restaurantes. Pare no Caos e se entretenha: de dia o lugar tem milhares de cacarecos antigos a venda ou para locação; à noite a casa oferece festas, drinks e boa música. Ah, o Caos também é uma série de TV semanal no The History Channel Brasil, que vai ao ar todo sábado às 19h. Vai vendo!

Caos Bar & Antiguidades - R. Augusta, 584. Tel.: 11 2365 1260. Confira programação e horários em http://caosaugusta.tumblr.com

 

Ainda neste trecho, caminhe pelas calçadas repletas de revistas, livros, camisetas e outros objetos que margeiam o Espaço Unibanco de Cinema*, fundado em 1995, que resiste até hoje como um dos últimos cines de rua na cidade. São 5 salas de projeção, cafés e livraria. Por lá, você se verá no meio do charme e da bagunça, ou numa desordem encantadora, se preferir, com gente e informação jorrando de todos os cantos. Aproveite e entre na vibração! *o nome atual é Espaço Itaú de Cinema, mas ainda nos referimos a ele pelo nome antigo.

Espaço Itaú de Cinema - R. Augusta, 1475. Tel.: 11 3141 2610. Cheque os filmes aqui: http://itaucinemas.com.br/em-cartaz/sao-paulo

 

Partindo da Paulista, quando a Augusta desce em direção aos Jardins, estão diversas lojas e boutiques, principalmente nas redondezas da Rua Oscar Freire. Se você gosta de moda e estiver a fim de conhecer novidades, uma boa pedida é visitar a Galeria Ouro Fino. Além de lojas diferentes de roupas e acessórios, é possível mudar o visual num dos salões de beleza ou mesmo escolher sua próxima tattoo ou piercing. Vá nem que seja para se inspirar! Fica aberta de segunda a sábado, das 9 às 20h.

Galeria Ouro Fino - Rua Augusta, 2690. Tel.: 11 3082 7860. http://www.galeriaourofino.com

 

Uma vez em São Paulo, a cidade mais dinâmica e ativa do país, cabe a pergunta: você sabe o que é economia criativa? ... seria algo como a dimensão cultural transbordando para o mundo dos negócios através de setores criativos... a produção de moda, design e arquitetura, entre outros, virando negócio, que gera renda e emprego. Complicado? Que nada. Em cursos que duram de 36h a 1 ano, a Escola São Paulo trata de desmistificar o tema. Informe-se em http://www.escolasaopaulo.org

Escola São Paulo – Rua Augusta, 2239. Tel.: 11 3060 3636.

 

Há várias opções de hospedagem na própria Augusta e nas redondezas. Tem aqueles que entregam o básico e oferecem preços mais acessíveis, mas você também encontrará na região hotéis de luxo como o Emiliano ou Renaissance. Escolha, reserve e desfrute!

 

O que te interessa na capital paulista? Que lugares gostaria de obter mais detalhes e informação? Escreva para padocacult@gmail.com e abra seu coração!

delírio no centrão

Finalzinho de outono, sol carinhoso, criando sombras incríveis… Que tal dar uma esticada até a capital paulista?

 

Passeio no Centro

Para se conhecer uma cidade, nada como visitar seu centro, onde ela começou.

Imagine conhecer o museu de arte mais antigo da cidade? Pense em um ambiente inspirador, da originalidade do edifício à vastidão de seu acervo. Um lugar que preserva e estimula as artes visuais, notadamente aquelas produzidas no Brasil entre 1800 até a contemporaneidade. Desde 1905 a Pinacoteca do Estado realiza diversas exposições que valem ser conferidas. Uma delas é Fabiola, que acontece até 7 de Julho. Nela, o artista belga Francis Alÿs reune mais de 400 reproduções da santa romana do século IV, retratada originalmente por Jean-Jacques Henner, pintor francês, em meados do século XIX (a tela original está desaparecida). Ao reunir centenas de cópias, o artista abre uma discussão sobre autoria, anonimato, originalidade. Cada Fabiola é a mesma e diferente, diversas interpretações de um mesmo ícone.

 

Ao lado da Pinacoteca está o Parque Jardim da Luz, o mais antigo parque público de São Paulo, tombado pelo patrimônio histórico. Ele abriga parte do acervo do museu, com esculturas de artistas como Lasar Segall espalhadas pelo bosque. O lugar é lindo, com árvores enormes e um lago em forma de cruz de malta no centro.

 

Continuando o passeio, em frente ao Parque, avista-se a Estação da Luz, imponente, com suas estruturas de ferro trazidas da Inglaterra. Foi aberta ao público em 1901, e ao longo dos anos passou por reformas, reconstrução após incendio, reinauguração e restauro. Os trens ainda funcionam e pode-se fazer transferência gratuita para o metro.

No mesmo edifício, desde 2006, funciona o Museu da Língua Portuguesa. Por se tratar de um patrimônio imaterial – a nossa língua – a forma expositiva é bastante interessante e diferenciada, contando com tecnologia e recursos interativos para apresentar o conteúdo. Lá, já foram realizadas exposições notórias sobre grandes expoentes da língua portuguesa como Machado de Assis, Fernando Pessoa e Clarice Lispector, entre outros. É um dos museus mais visitados do Brasil e da América do Sul! Merece sua visita também, não?

 

Ainda, para aqueles que curtem carros, todo mês acontece o Encontro Mensal de Automóveis Antigos Parque da Luz, realizado pela Federação Paulista de Automóveis Antigos. Um resgate histórico emoldurado por um cenário tradicional da cidade. São muitas emoções!

 

Para finalizar, muito importante: mesmo com os contínuos movimentos do poder público e da população para recuperação e reocupação do Centro, recomenda-se cuidado nos arredores da Estação. Isso registrado, vale a pena visitar e reconhecer o valor histórico e cultural desta parte da cidade. Reserve um dia, fique atento e seja feliz.

 

Pinacoteca do Estado de São Paulo – Praça da Luz, 2. Tel.: 11 3324 1000. Terça a domingo das 10h às 17h30, ingresso R$6. Grátis aos sábados. http://www.pinacoteca.org.br/

Parque Jardim da Luz – Terça a domingo, das 9h às 18h.

Estação da Luz – Praça da Luz, 1. Funciona todos os dias, das 4h às 24h.

Museu da Língua Portuguesa – Praça da Luz, s/nº. Tel.: 11 3322 0080. Terça a domingo, das 10h às 18h, ingresso R$6. http://www.museulinguaportuguesa.org.br/

Encontro de automóveis antigos: Primeiro Domingo do Mês na Estação da Luz/ Parque da Luz. A partir das 8h. Tel.: 11 99569 1937 (com Vicente).

 

Quer descobrir São Paulo? O que nela te desperta interesse? Que aspecto cultural da cidade mais te instiga? Escreva para padocacult@gmail.com. Até!

Você conhece São Paulo?

Aquela cidade alagada, poluída, que sempre aparece nos noticiários com enormes filas de carro? Que tem um tanto de pontes e retornos complicados? Esqueça.

Aqui é a São Paulo cultural. A cidade artística, intrigante, com referências de todas as pessoas, de todos os lugares. Todas as línguas. A quatrocentona estilosa que oferece programação ininterrupta e recebe a diversidade sem distinção.

A partir deste mês a padoca cultural nasce com a proposta de encurtar os 400km que separam Passos da Paulicéia para conectar os leitores com a oferta cultural imperdível da cidade. Programe-se e venha conhecer lugares incríveis, programas agradáveis e gente interessante. Está servido?

 

MIS –Museu da Imagem e do Som –

Oferece programação com exposições, oficinas, cursos e mostras. Recentemente, foi aberto o Chez MIS, restaurante que já nasceu descolado. A cada mês, acontece a Green Sunset, festa com DJs nacionais e internacionais que rola ao por do sol, no jardim de esculturas. Dentre as diversas opções que o museu oferece, destaque para três, anote:

Exposição Caixa de Cinema – espaço equipado com monitor touchscreen que disponibiliza 60 cenas emblemáticas de vários filmes. De 1 de janeiro a 31 dezembro. Grátis.

Oficina A Historia da Fotografia, de 23 maio a 27 junho, às quintas, R$80.

Green Sunset 25ª edição, com o musico britânico Carl Barat. 22 junho, R$14.

MIS – Avenida Europa, 158, Jardim Europa. Tel. 11 2117 4777 | www.mis-sp.org.br

 

Show Pet Shop Boys –

Quem nunca dançou num bailinho ao som de “Domino Dancing”? Ou de “Always on my mind”? Esta é a chance de conferir ao vivo a dupla britânica, que se apresenta pela 5ª vez no Brasil em 22 maio, no Credicard Hall. Os ingressos podem ser adquiridos pela internet (www.ticketsforfun.com.br), pelo telefone 11 4003 5588 ou na bilheteria da casa. Ingressos de R$100 a R$500. Se jogue na pista!

Credicard Hall – Av. das Nações Unidas, 17.955 – Santo Amaro.

 

Feira de Antiguidades da Paulista –

Administrada pela Associação dos Antiquários do Estado de São Paulo (AAESP) e criada há mais de 30 anos, a Feira de Antiguidades da Paulista é uma referência para apreciadores e colecionadores de arte de todo o país. Nas barracas montadas no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (MASP), pode-se encontrar porcelanas e cristais antigos, câmeras fotográficas, gravuras, joias e uma infinidade de artigos interessantes. Além de ser um mergulho no passado e em histórias antigas, o visitante pode aproveitar para conhecer o museu ou ainda flanar pela Avenida Paulista, apenas olhando para os prédios acima ou para as pessoas ao lado. Um passeio clássico e ao mesmo tempo despretensioso pela mais famosa das avenidas paulistanas.

MASP – Avenida Paulista, 1578. A feira acontece todos os domingos, das 10h às 17h. Grátis.

 

Boteco carioca em SP –

Está na cidade e quer encontrar os amigos para um bom papo? Vá ao Posto 6, bar inaugurado há pouco mais de 10 anos e já tradicional na cidade, localizado no coração da Vila Madalena. O lugar é perfeito para o happy hour, com comidinhas e bebidinhas de boteco, decoração inspirada na boemia carioca e gente bonita. Um brinde!

Posto 6 – Rua Aspicuelta, 646, Vila Madalena. Tel.: 11 3812 4342.

 

Há tanto e mais a se descobrir em São Paulo! A cidade é grande, instigante e não para de crescer. O que nela te desperta interesse? Que aspecto cultural dela mais te instiga? Escreva para padocacult@gmail.com. Até!